Haruki Murakami retira nomeação de Nobel de literatura "alternativo"

Autor japonês era finalista junto a Kim Thuy, Neil Gaiman e Maryse Conde
Haruki Murakami retira nomeação de Nobel de literatura
Haruki Murakami retira nomeação de Nobel de literatura "alternativo" | Foto: Henning Bagger / Scanpix Denmark / AFP / CP
 
O autor japonês Haruki Murakami, finalista do "Prêmio Nobel de Literatura Alternativo", retirou sua nomeação, dizendo aos organizadores que ele quer se concentrar no trabalho e evitar os holofotes. O New Academy Prize em Literatura foi fundado por mais de 100 intelectuais em protesto após a Academia Sueca, que seleciona os ganhadores do Nobel, adiar o prêmio deste ano por laços duradouros com um homem acusado de agredir várias mulheres durante o pico do movimento #MeToo do ano passado.
A New Academy disse em um post no Facebook no sábado que Murakami, autor do "Norwegian Wood" e que é frequentemente indicado para o Prêmio Nobel de Literatura, "expressou sua gratidão por ter sido indicado, escrevendo 'É uma grande honra para mim'". "Murakami disse que sua preferência é se concentrar em sua escrita, longe da atenção da mídia, e pediu que sua nomeação seja retirada", em um e-mail, acrescentou a academia.
A homenagem alternativa serve para denunciar "preconceito, arrogância e sexismo", segundo seus fundadores, que incluem autores, artistas e jornalistas. Bibliotecários suecos indicaram 47 autores que foram posteriormente votados por 32 mil "pessoas de todo o mundo", deixando apenas quatro na lista: a autora vietnamita-canadense Kim Thuy, o britânico Neil Gaiman, a francesa Maryse Conde e Murakami.
Vários outros autores cotados para Nobel apareceram na lista de indicados dos bibliotecários, incluindo a canadense Margaret Atwood, os americanos John DeLillo e Joyce Carol Oates, e o israelense Amos Oz. Alguns nomes nunca cotados também entraram para esta seleção, incluindo JK Rowling, escritora da série Harry Potter, e as romancistas Sara Stridsberg e Kerstin Ekman, que renunciaram à Academia Sueca, também foram listadas pela New Academy. Escolhido por um júri após o voto popular, o vencedor do "New Literature Prize" será anunciado no dia 12 de outubro.

Fonte: Correio do Povo

Comentários

Mais Visitadas

LAMENTAÇÕES DE UM LÁPIS

Dentro da rotina das redes sociais, mulheres dividem as dificuldades e os pontos positivos de expor a maternidade

A Palavra Não

Livros com temática de direitos humanos são vandalizados na UnB