Pular para o conteúdo principal

Primavera Literária do Rio de Janeiro chega à maioridade entre 18 e 21 de outubro, no Museu da República

Evento no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte completa 18 anos

Primavera Literária
A escritora Conceição Evaristo estará em uma das mesas de debate

A Primavera Literária do Rio de Janeiro chega à maioridade entre 18 e 21 de outubro, no Museu da República, buscando dar evidência máxima a temas ainda chamados de tabu, sobretudo às questões femininas, acima de tudo os desafios das mulheres negras na literatura e na vida.
“No nosso Domingo das Mulheres, na tenda Faça Amor Não Faça Guerra, título em homenagem aos 50 anos de maio de 1968, teremos somente mesas de mulheres”, explica Raquel Menezes, presidente da Liga Brasileira de Editoras (Libre), entidade organizadora do evento.
Nesse dia, a mesa “Mulheres Negras na Literatura” reunirá a cubana Teresa Cárdenas, a mineira Conceição Evaristo, a carioca Eliana Alves Cruz e a paraense Paloma Franca Amorim. Outras mesas tratarão de “Mulheres no Poder”, “Mulheres no Funk”, “Ativismo Jovem”, “Tabu na Literatura”, “Publique Sexo”, “Ocupa Museu” e “A Representação Negra na Literatura Infantil”.
“O mais importante desta edição, além dos 18 anos de resistência que comemoramos, é a abertura para questões atuais”, diz Menezes. “Ricardo Lísias estará lançando seu livro-performance contra Sergio Moro e tudo que ele representa neste momento caótico do nosso País.”
Ela refere-se a Sem Título – Uma Performance contra Sergio Moro (Oficina), do escritor paulista, um dos 15 títulos que serão lançados na Primavera. O encontro compreende debates, palestras, oficinas, exposição e venda de livros, filmes, saraus, slams, performances, atrações voltadas ao público infantil e um bloco carnavalesco. Entre os nomes participantes estão Martinho da Vila, Leonardo Boff, Ondajki, Roger Chartier, Wadih Damous e Lázaro Ramos.
Entre 8 e 11 de novembro, a Primavera (que já teve edições em Belo Horizonte, Salvador e São Paulo) volta a aportar em Minas Gerais, no CCBB de Belo Horizonte.


Serviço:
18ª Primavera Literária. De 18 a 21 de outubro, das 10 às 20 horas, no Museu da República (Rua do Catete, 153) Rio de Janeiro. De 8 a 11 de novembro, no CCBB (Praça da Liberdade, 450), Belo Horizonte. Entrada gratuita.

Fonte: Carta Capital

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08

Participe da Coletânea "100 Poetas e 100 Sonetos"

O Instituto Horácio Dídimo de Arte, Cultura e Espiritualidade está selecionando 100 poetas para compor a Coletânea “100 Poetas e 100 Sonetos”. Os sonetos são de tema livre e devem ser metrificados em qualquer tamanho ou estilo, rimados ou não. 

Não haverá taxa de inscrição e nem obrigatoriedade de aquisição do livro pelos participantes, que em contrapartida cedem seus direitos autorais. 

A data e local do lançamento da coletânea serão definidos posteriormente. 

Para participar, envie o seu soneto para o email ihd@institutohoraciodidimo.org ou pelo formulário até 10/07/2019 com uma breve biografia.

Por https://institutohoraciodidimo.org/2019/06/11/coletanea-100-poetas-e-100-sonetos/