Escritora Ana Paula Maia conquista o Prêmio São Paulo de literatura

SÃO PAULO
A carioca Ana Paula Maia venceu o Prêmio São Paulo de Literatura com o romance “Assim na Terra como Embaixo da Terra” (Record). O anúncio foi feito nesta segunda-feira (5). Com o resultado, a escritora vai receber R$ 200 mil.
De acordo com o júri, o livro “propõe uma poderosa metáfora para muitas situações vividas no momento atual e, ao mesmo tempo, faz uma provocação para que se olhe de forma questionadora para o nosso passado enterrado em tantas 'Colônias' esquecidas e invisíveis aos olhos da maioria de nós”.
A escritora Ana Paula Maia
A escritora Ana Paula Maia - Rodolfo Buhrer/Divulgação
narrativa fala sobre uma colônia penal que se torna um campo de extermínio. Para isso, a escrita parte do conto "Na Colônia Penal", de Franz Kafka (1883-1924), para construir a própria versão de um campo prisional.
Foram premiadas também Aline Bei com o livro “O Peso do Pássaro Morto” (Nós), na categoria estreantes com menos de 40 anos. Segundo o júri, Bei escreveu um "romance forte com linguagem inventiva e poética". Cristina Judar venceu o prêmio entre estreantes com mais de 40 anos com “Oito do Sete” (Reformatório), por " ter um ritmo muito envolvente que inova muito quando articula ações com reflexões". Elas receberão R$ 100 mil cada. 
Realizado pelo governo do Estado, o Prêmio São Paulo teve 157 livros participando da competição, sendo 98 títulos na categoria principal, 36 na autor estreante com mais de 40 anos e 23 na autor estreante com menos de 40 anos. O anúncio dos vencedores foi feito nesta segunda (5) na Biblioteca Parque Villa-Lobos.  ​
Folha UOL

Comentários

Mais Visitadas

O Irmão Carlos de Foucauld

Há 50 anos, primeira mulher negra era eleita ao Congresso nos EUA

MASP completa 50 anos de histórias

Memorial do Holocausto lembra 80 anos da Noite dos Cristais em SP

Escreve Pe. Jocy - Dom Delgado