Pular para o conteúdo principal

Monja lança livro sobre meditação, em Fortaleza

Durante o evento, ocorrerá uma experimentação da prática meditava com Susan Andrews
A Obra da antropóloga, doutora em psicologia transpessoal e monja Susan Andrews apresenta uma lúcida síntese entre a ciência moderna e a sabedoria ancestral. O livro "Meditação - o que dizem os cientistas e sábios" inspira iniciantes e adeptos mais avançados. A publicação aborda a meditação com histórias espirituais e recentes pesquisas em neurociência.
Para sintetizar seu trabalho, Susan ressalta a necessidade de especificar o tipo de meditação a que se refere, de modo a discutir seus benefícios. Existem diversas abordagens. Contudo, de acordo com o dicionário Webster, meditação é "engajar-se num exercício mental. Tal como concentrar-se na respiração ou na repetição de um mantra, com o objetivo de alcançar um nível mais elevado de consciência espiritual".
A proposta da escritora é esclarecer as diferentes atividades mentais que podem ocorrer quando a mente é internalizada e até que nível elas ocorrem. Um dos pontos do livro é sobre as tradições meditativas da Índia, que se desenvolveram há mais de seis mil anos. "Além da atenção concentrada, a meditação é um processo de profundo esforço espiritual para transcender o limitado, o ego individual e realizar o bem-aventurado self, nossa verdadeira essência".
Benefícios
Pesquisadores da Escola de Medicina de Harvard descobriram que, quanto mais as pessoas praticavam meditação, melhoravam a imunidade, os níveis hormonais e a pressão arterial. Além disso, aumentavam as chances de se livrarem de problemas como artrite e dores nas articulações.
"Estudiosos descobriram ainda que a meditação muda o nível genético do nosso corpo. Após dois meses de prática diária acontece a ativação dos genes que ajudam a combater a inflamação, a matar as células doentes e a proteger o corpo de câncer", destaca a monja.
Existem comprovações de que a prática regular de meditação reduz o estresse, a ansiedade e a depressão. De acordo com a especialista, não é de se admirar que tantas pessoas estejam começando a meditar. Elas estão se sentindo melhor em todos os sentidos. "As eficazes técnicas de meditação precisam ser cuidadosamente explicadas. Por isso, descrevi algumas orientações no livro, e vou conduzir uma breve prática na palestra de lançamento. Logo mais pretendemos oferecer um curso online sobre como meditar, especialmente visando elevação espiritual para iniciantes", complementa a monja.

Serviço:
Lançamento do livro "Meditação o que dizem os cientistas e sábios"
144 páginas
R$ 35,00
Dia 28/11, a prtir das 19h, na Praça de eventos, piso L3, do Shopping RioMar Fortaleza
Rua Desembargador Lauro Nogueira, 1500 - Papicu
Inscrições: 
Adquira seu exemplar e garanta sua vaga no evento por meio do link: bit.ly/livrosusan
Susan Andrews, Instituto Visão Futuro www.visaofuturo.org.br; www.facebook.com/visaofuturo

Diário do Nordeste

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08

Campus Party 2018 vendeu 30% a mais de ingressos que edição anterior

A feira de tecnologia Campus Party Brasília 2018 foi encerrada hoje (1°), após ter reunido milhares de pessoas em torno de palestras, oficinas e atividades com temas como o uso da tecnologia da computação, robótica, empreendedorismo e startups. Essa é a segunda edição do evento em Brasília, que começou no dia 27 de junho, no Estádio Nacional Mané Garrincha. Antes prevista para acontecer de 30 de maio a 3 de junho, a feira foi adiada para esta semana por causa da greve dos caminhoneiros. De acordo com o diretor da Campus Party Brasil, Tônico Novaes, o evento contabilizou um volume de vendas de ingressos pelo menos 30% maior que a primeira edição da Campus Party em Brasília, realizada no ano passado.  Para Tônico Novaes, a edição no Distrito Federal se destacou pela elevada participação e envolvimento dos que estão no evento.  “Os campuseiros daqui são realmente engajados no conteúdo. Andando por aqui você vai ver todos os workshops e bancadas cheias e a estrutura está bem maior que a …