Uma vida que se torna festa

Pe. Geovane: 15 anos de missão na Parquelândia
Ricardo Alves de Araújo*

A imagem pode conter: 2 pessoas, incluindo Ricardo Alves, área interna
Um belo cântico vocacional nos diz: “Uma vida que se torna festa, faz cantar de alegre exaltação. Tantos anos, tantos meses, tantos dias para ser fiel na vocação...” Com este trecho inicio estas breves palavras para recordar este período de atividade pastoral, que nosso pastor Pe. Geovane Saraiva exerce na Parquelândia, aqui em Fortaleza. É uma grande alegria celebrar a vida, e celebrar a vida que se faz história. Neste sentido, a vida de Pe. Geovane se configura com sua comunidade paroquial, que há quinze anos lhe foi confiada. Nestes anos, gerou na fé muitos irmãos, assistiu em matrimônio outros, preparou para a confirmação, confessou tantos, deu a unção a alguns e por fim, tem dando Jesus através da Eucaristia que celebra nesta Igreja neste período. O que dizer diante de um fecundo apostolado como o seu? 

Destes quinze anos, eu me alegro de ter participado dos últimos quatro anos, desde que o ajudei pastoralmente no meu terceiro ano de filosofia. Desde aquela época, não perdi o vinculo com esta comunidade paroquial, e em particular com seu pastor: Pe. Geovane Saraiva. Este vinculo não foi perdido apenas porque um dia trabalhei lá, mas acima de tudo, pelo clima afetuoso e acolhedor que Pe. Geovane nos proporciona. Dele, nós que nos preparamos nesta caminhada rumo ao ministério ordenado, aprendemos às virtudes do cuidado pastoral e do acolhimento as ovelhas. Bem na consonância com os constantes apelos do Papa Francisco, que nos convoca a sermos uma Igreja acolhedora e missionaria a exemplo de Jesus.

Como diz o hino de Santo Afonso: “Vamos caminhar, feliz nesta missão, saindo ao mundo a proclamar o Evangelho enfim que revelou a mim...” assim, a sua caminhada continua na paróquia de Santo Afonso. Neste dia de Santo André, possamos continuar no seguimento de Jesus Cristo, anunciando-o cada vez mais a Sua Pessoa, Palavra viva e eterna de Deus. Que o Senhor continue a conduzir o povo da Parquelândia, sob o patrocínio do glorioso Santo Afonso, pelo tempo que o Senhor Deus permitir. Parabéns. 

 ___________ 
*Seminarista do 3º ano de Teologia da Diocese de Iguatu. Bacharel em Filosofia pela Faculdade Católica de Fortaleza – FCF e aluno do bacharelado de Teologia na mesma instituição. 

Comentários

Mais Visitadas

QUALIDADE DA EDUCAÇÃO EM XEQUE

Em tempos de crise, ideias criativas fazem a literatura circular pelo Brasil

MinC habilita entidades que farão arrecadação no cinema

REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL