Pular para o conteúdo principal

Uma vida que se torna festa

Pe. Geovane: 15 anos de missão na Parquelândia
Ricardo Alves de Araújo*

A imagem pode conter: 2 pessoas, incluindo Ricardo Alves, área interna
Um belo cântico vocacional nos diz: “Uma vida que se torna festa, faz cantar de alegre exaltação. Tantos anos, tantos meses, tantos dias para ser fiel na vocação...” Com este trecho inicio estas breves palavras para recordar este período de atividade pastoral, que nosso pastor Pe. Geovane Saraiva exerce na Parquelândia, aqui em Fortaleza. É uma grande alegria celebrar a vida, e celebrar a vida que se faz história. Neste sentido, a vida de Pe. Geovane se configura com sua comunidade paroquial, que há quinze anos lhe foi confiada. Nestes anos, gerou na fé muitos irmãos, assistiu em matrimônio outros, preparou para a confirmação, confessou tantos, deu a unção a alguns e por fim, tem dando Jesus através da Eucaristia que celebra nesta Igreja neste período. O que dizer diante de um fecundo apostolado como o seu? 

Destes quinze anos, eu me alegro de ter participado dos últimos quatro anos, desde que o ajudei pastoralmente no meu terceiro ano de filosofia. Desde aquela época, não perdi o vinculo com esta comunidade paroquial, e em particular com seu pastor: Pe. Geovane Saraiva. Este vinculo não foi perdido apenas porque um dia trabalhei lá, mas acima de tudo, pelo clima afetuoso e acolhedor que Pe. Geovane nos proporciona. Dele, nós que nos preparamos nesta caminhada rumo ao ministério ordenado, aprendemos às virtudes do cuidado pastoral e do acolhimento as ovelhas. Bem na consonância com os constantes apelos do Papa Francisco, que nos convoca a sermos uma Igreja acolhedora e missionaria a exemplo de Jesus.

Como diz o hino de Santo Afonso: “Vamos caminhar, feliz nesta missão, saindo ao mundo a proclamar o Evangelho enfim que revelou a mim...” assim, a sua caminhada continua na paróquia de Santo Afonso. Neste dia de Santo André, possamos continuar no seguimento de Jesus Cristo, anunciando-o cada vez mais a Sua Pessoa, Palavra viva e eterna de Deus. Que o Senhor continue a conduzir o povo da Parquelândia, sob o patrocínio do glorioso Santo Afonso, pelo tempo que o Senhor Deus permitir. Parabéns. 

 ___________ 
*Seminarista do 3º ano de Teologia da Diocese de Iguatu. Bacharel em Filosofia pela Faculdade Católica de Fortaleza – FCF e aluno do bacharelado de Teologia na mesma instituição. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08

Campus Party 2018 vendeu 30% a mais de ingressos que edição anterior

A feira de tecnologia Campus Party Brasília 2018 foi encerrada hoje (1°), após ter reunido milhares de pessoas em torno de palestras, oficinas e atividades com temas como o uso da tecnologia da computação, robótica, empreendedorismo e startups. Essa é a segunda edição do evento em Brasília, que começou no dia 27 de junho, no Estádio Nacional Mané Garrincha. Antes prevista para acontecer de 30 de maio a 3 de junho, a feira foi adiada para esta semana por causa da greve dos caminhoneiros. De acordo com o diretor da Campus Party Brasil, Tônico Novaes, o evento contabilizou um volume de vendas de ingressos pelo menos 30% maior que a primeira edição da Campus Party em Brasília, realizada no ano passado.  Para Tônico Novaes, a edição no Distrito Federal se destacou pela elevada participação e envolvimento dos que estão no evento.  “Os campuseiros daqui são realmente engajados no conteúdo. Andando por aqui você vai ver todos os workshops e bancadas cheias e a estrutura está bem maior que a …