Babel: Primavera Literária Brasileira anuncia programação – agora também com autores estrangeiros

Veja a lista dos escritores convidados da Printemps Littéraire Brésilien. E mais na coluna Babel: Prêmio Sesc de Literatura bate recorde de inscrição; Guilherme Gontijo Flores estreia no romance; Todas as Cores do Céu nas livrarias em maio; uma não ficção de John Grisham; etc

Maria Fernanda Rodrigues
FESTIVAL – 1
Primavera Literária Brasileira, agora com autores estrangeiros
Printemps Littéraire Brésilien
Vencedora do Prêmio Sesc e APCA com ‘Entre as Mãos’, seu romance de estreia, Juliana Leite é uma das convidadas da Primavera Literária Brasileira

Printemps Littéraire Brésilien chega a sua sexta edição com novidades. O projeto idealizado pelo brasileiro Leonardo Tonus, professor da Universidade de Sorbonne, e realizado inicialmente em Paris e, depois, em outras cidades europeias e americanas, chega agora ao Canadá. Outra novidade é que, além de levar autores brasileiros para conversas com estudantes de literatura brasileira e de português de universidades e escolas desses países, a Primavera Literária vai incluir na comitiva escritores de outras línguas que tenham alguma relação com o Brasil. É o caso de Igiaba Scego, Abdellah Taïa e Mia Lecomte já publicados aqui – Mia, poeta franco-italiana, inclusive, é pesquisadora da obra de Murilo Mendes. Cerca de 50 autores se revezam pela programação em sete países. Entre eles, Juliana Leite (foto), vencedora do Prêmio Sesc, Adriana Lisboa e Márcia Tiburi.
FESTIVAL – 2
Outros convidados
Carlos Eduardo Pereira, Carol Bensimon, Cristina Judar, Eliane Robert Moraes, Fernando Paixão, José Santana Filho, Lúcia Bettencourt, Luiz Antonio de Assis Brasil, Marcelino Freire e Rafael Gallo também participam da Printemps Littéraire Brésilien, entre março e junho.
*
E ainda: Alexandre Vidal Porto, Altair Martins, Ana Kiefer, Andrea Nunes, Anna Monteiro, Carola Saavedra, Cristiano Baldi, Denilson Lopes, Edimilson Pereira, Eduardo Jorge, Francesca Cricelli, Fernando Molica, Flávia Rocha, Fred di Giacomo Rocha, Gustavo Faraon, Henrique Schneider, Igiaba Scego (Itália), Itamar Vieira Júnior, Ivan Perez (Porto Rico), João Nemi, Jose Delpino (Venezuela), José Paulo Pego (Portugal), Júlio Ludemir, Krishna Monteiro, Leonardo Gil Gomez (Colômbia), Leonardo Tonus, Leonardo Valente, Luciana Rangel, Manuel Filho, Maria Esther Maciel, Mia Lecomte (Itália), Marcelo Nocelli, Nilma Lacerda, Patrícia Lavelle, Patrícia Portela (Portugal), Paulo Dutra, Prisca Angelotti (Suíça), Raimundo Neto, Reginaldo Pujol Filho, Simone Paulino, Tomas Rosenfeld, Valesca de Assis e Virna Teixeira.
PRÊMIO
Autores estreantes
Prêmio Sesc de Literatura, que revelou alguns dos nomes acima (Juliana, Lúcia e Rafael), entre outros bons escritores, registrou recorde de inscrições este ano. Foram nada menos do que 1.969 originais de romances (1.043) e contos (926). Em 2018, foram 1.540 no total.
ROMANCE – 1
Narrativa experimental
O poeta e tradutor Guilherme Gontijo Flores estreia no romance em março, pela Todavia, com História de Joia. Segundo o autor, trata-se de uma “espécie experimental de narrativa sobre um dia na vida de Joia”. No livro, conhecemos fragmentos de sua vida a partir dos 22 capítulos narrados por outros personagens.
NÃO FICÇÃO – 2
Histórias de amizade
Os assinantes do clube TAG Inéditos já leram Todas as Cores do Céu e deram nota 4,8 (de 5) para o romance de estreia da indiana Amita Tras que tem como pano de fundo histórias de prostituição infantil, castas, tráfico de pessoas e amizade. O livro será lançado em maio pela HarperCollins.
NÃO FICÇÃO
Grisham investigador
Única não ficção do escritor best-seller John GrishamO Homem Inocente, que inspirou a série da Netflix O Inocente: Uma História Real de Crime e Injustiça, sai pela Sextante em março. É a história de um assassinato ocorrido nos EUA nos anos 1980 marcado por investigações sem fundamento e pouco confiáveis.
INFANTOJUVENIL
Trilogia sobre o tempo
Lúcia Teixeira encerra sua trilogia sobre o tempo com Caminho Para Ver Estrelas, que toca em temas como depressão, poluição e inclusão. A obra será lançada em março pela Cortez.
EDUCAÇÃO
Professor youtuber
A Planeta vem investindo na publicação de livros de professores que são populares no YouTube. Ela já publicou títulos como Tudo Tem Uma Explicação – A Biologia Por Trás de Tudo Aquilo Que Você Nunca Imaginou, de Kennedy Ramos (300 mil seguidores), e agora prepara pelos menos outros quatro lançamentos.
*
Um deles é Se Liga Nessa História do Brasil, baseado no canal homônimo de Walter Sola e Ary Neto, com 900 mil inscritos. O outro, do paleontólogo e youtuber Pirula, fala sobre dinossauros. Estão no prelo, ainda, um volume de Pamella Brandão, a Pamba, sobre redação e gramática, e um de Ivys Urquiza sobre a física do dia a dia.

Comentários

Mais Visitadas

Morre atriz Doris Day, a namoradinha da América

Reitoria da UECE apoia manifestações em defesa da educação brasileira e das universidades públicas

Maureen Bisilliat se reencontra com o seu sertão e o de Euclides da Cunha na Flip

Paraty e Ilha Grande vão se tornar patrimônio da humanidade

Biblioteca Itinerante visita escolas e CMEIs com “Literatura e Cinema”