Pular para o conteúdo principal

Salvador celebra a língua portuguesa com a literatura e a música de três continentes

Primeira edição do Festival da Língua Portuguesa começa nesta quinta (28) e vai até sábado


Naief Haddad
SÃO PAULO
Autores como Gregório de Matos, Rui Barbosa, Luís Gama e Gilberto Gil nasceram em Salvador. Castro Alves, Jorge Amado e João Ubaldo Ribeiro vieram de outras cidades baianas, mas passaram boa parte da carreira na capital baiana.
Natural, portanto, que Salvador celebre o idioma tão bem cuidado por esses poetas, romancistas e jornalistas. Começa nesta quinta (28) a primeira edição do Festival da Língua Portuguesa, o Felpo. 
Parte das comemorações dos 470 anos da capital baiana, o Felpo vai até sábado (30).

Daniela Mercury, que se apresenta no Farol da Barra na sexta (29) - Robson Ventura/Folhapress
“Tentamos abarcar as latitudes da língua não apenas do ponto de vista geográfico. Também vamos abordar o idioma por meio da música, literatura, gastronomia”, diz o jornalista português Ricardo Oliveira, organizador do Felpo.
O único evento restrito a convidados é a Festa dos Sabores, um jantar nesta quinta (28) no restaurante Casa de Tereza, com pratos brasileiros, portugueses e angolanos. 
Na sexta (29), canções de três continentes vão tomar o Farol da Barra. Um show gratuito a partir das 19h terá a música baiana de DanielaMercury, Saulo, entre outros. Haverá ainda o fado contemporâneo dos portugueses Ana Moura e António Zambujo e o semba (música tradicional de Angola) de Paulo Flores.
Ao longo do sábado (30), o festival promoverá uma troca de livros na praça da Mariquita, no Rio Vermelho. Neste local, às 15h30, começa bate-papo com autores como Itamar Vieira Júnior, vencedor do prêmio Leya 2018, e Sérgio Rodrigues, colunista da Folha.
Maria João, neta de Jorge Amado, e Ricardo Viel, diretor de comunicação da Fundação José Saramago, vão comentar o livro “Com o Mar por Meio”, que reúne as correspondências trocadas entre os romancistas. 
A próxima edição do festival —ou o segundo capítulo, como prefere Ricardo Oliveira— vai acontecer em Lisboa, em setembro. O Felpo é uma iniciativa do Global Media Group, conglomerado de comunicação de Portugal que possui a rádio TSF, os jornais Diário de Notícias e Jornal de Notícias, entre outros veículos. 
O festival tem o apoio da Prefeitura de Salvador. 
Folha UOL

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Natal em Natal (RN), a capital potiguar fundada em 25 de dezembro de 1599

Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto 'O Natal em Natal'.
Considerada uma das maiores e mais bonitas do Brasil, a Árvore de Natal instalada no bairro de Mirassol encanta a natalenses e turistas. (Alex Regis/ Secom Natal)
Os moradores da capital do Rio Grande do Norte têm um motivo a mais para se alegrar e vivenciar esta época do ano. Afinal, eles celebram o “Natal em Natal”. Aliás, a capital potiguar recebeu este nome devido a data da sua fundação: 25 de dezembro de 1599. Neste mês, a cidade se reveste de enfeites e de festas culturais, através do projeto “O Natal em Natal”, promovido pela prefeitura municipal. Ao todo, segundo a prefeitura, são mais de 40 eventos que contemplam dança, música, teatro, audiovisual, artesanato, gastronomia e outras manifestações culturais.
Na zona sul da capital, foi acessa, no dia 3 de dezembro,  a tradicional “árvore de Mirassol”, com 112 metros de altura, ornamentada com enfeites nos formatos de …

POPE FRANCIS GENERAL AUDIENCE 2016.06.08

Participe da Coletânea "100 Poetas e 100 Sonetos"

O Instituto Horácio Dídimo de Arte, Cultura e Espiritualidade está selecionando 100 poetas para compor a Coletânea “100 Poetas e 100 Sonetos”. Os sonetos são de tema livre e devem ser metrificados em qualquer tamanho ou estilo, rimados ou não. 

Não haverá taxa de inscrição e nem obrigatoriedade de aquisição do livro pelos participantes, que em contrapartida cedem seus direitos autorais. 

A data e local do lançamento da coletânea serão definidos posteriormente. 

Para participar, envie o seu soneto para o email ihd@institutohoraciodidimo.org ou pelo formulário até 10/07/2019 com uma breve biografia.

Por https://institutohoraciodidimo.org/2019/06/11/coletanea-100-poetas-e-100-sonetos/