Anúncios Parceiro Magalu - Erigleissonevoce

XIII Bienal Internacional do Livro do Ceará confirma novos nomes

Com o tema “A Cidade e os Livros”, a XIII Bienal Internacional do Livro do Ceará anuncia a participação de Bel Santos, Vera Saboya, Ailton Krenak, Kaká Werá e Amaira Moira na edição deste ano, que será realizada de 16 a 25 de agosto. Estes autores juntam-se a nomes já confirmados como o escritor e cineasta marroquino Abdellah Taïa, o professor, tradutor e escritor Marcos Bagno; o escritor, médico e dramaturgo Ronaldo Correia de Brito; e o escritor, ator, diretor, dramaturgo e produtor cultural Mailson Furtado, além da premiada autora Conceição Evaristo e da professora e pesquisadora de Comunicação e Semiótica Lucia Santaella.
Bel Santos é referência em educação social e na criação de bibliotecas comunitárias na periferia, sendo uma defensora da literatura como um direito humano. Graduada em Filosofia, Vera Saboya esteve à frente do desenvolvimento de uma nova política de leitura para o Estado do Rio de janeiro, entre 2009 e 2014. Ailton Krenak é líder indígena, ambientalista e escritor, considerado uma das maiores lideranças do movimento indígena brasileiro com reconhecimento internacional. Também de origem indígena, Kaká Werá é escritor, ambientalista e conferencista brasileiro. O leque de escritas e visões de mundo na Bienal amplia-se com Amara Moira, autora travesti e feminista, doutora pela Unicamp e professora.
A pouco mais de um mês do início da Bienal, a lista de escritores fica ainda mais robusta, garantindo à Feira uma amplitude de nomes representativos da riqueza literária brasileira e estrangeira, que encantarão os visitantes nas diversas atrações literárias e artísticas previstas para os 10 dias de Bienal, englobando palestras, mesas redondas, conferências, oficinas, contações de histórias, lançamentos de livros e outros eventos literários.
A Bienal chega a sua 13ª edição sendo reconhecida como um ambiente para a fruição artística, além de importante espaço de construção de políticas do livro, leitura, literatura e bibliotecas, criando momentos para ouvir a opinião da sociedade e das entidades envolvidas. A estimativa é de que o espaço receba um público superior a 400 mil pessoas, durante os dez dias de feira. A XIII Bienal Internacional do Livro do Ceará é apresentada pelo Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura (Secult), e pelo Ministério da Cidadania, em parceria com o Instituto Dragão do Mar.
Serviço
XIII Bienal Internacional do Livro do Ceará
De 16 a 25 de agosto, de 10h às 22h
Centro de Eventos do Ceará.
Seculta/Ce

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Morre o acadêmico Murilo Melo Filho

Goethe e o Oriente

Mensagem do Pe. Geovane: Como ajudar e fazer doações à paróquia na crise da pandemia.