Anúncios Parceiro Magalu - Erigleissonevoce

Academia Rio-Grandense de Letras abre edital para vaga de patrono

Edição: Vitor Diel
Arte: Giovani Urio

A Academia Rio-Grandense de Letras abre edital para candidatos à Cadeira 8 da instituição com inscrição até 25 de setembro. A Cadeira 8 tem por Patrono o engenheiro, geógrafo e professor José Teodoro de Souza Lobo e teve como último ocupante o jornalista Raul Moreau Neto.
Para concorrer é necessário ter nascido no Rio Grande do Sul ou residir no Estado há no mínimo dez anos e notabilizar-se por sua obra intelectual, entre outros requisitos. É muito importante que o candidato conheça o Regimento Interno da Academia e o Estatuto, que estabelece os deveres do acadêmico.
Para o presidente da ARL, Rafael Bán Jacobsen, a eleição de um novo membro é um dos pontos altos da vivência acadêmica. “Buscamos um candidato que, além de possuir uma obra expressiva, seja alguém com espírito associativo, que deseje realmente participar das atividades da Academia e trabalhar pelo seu engrandecimento.”
O pedido de ingresso deve ser encaminhado por carta remetida ao endereço da ARL (Rua dos Andradas 1234 / 1002, CEP 90020-008, Porto Alegre/RS), onde deve ser manifestado o desejo de concorrer à eleição e declarar conhecimento do Estatuto e do Regimento.
Sobre a Academia Rio-Grandense de Letras
Fundada em 1901, a ARL é composta de 40 membros, eleitos por critérios de mérito literário e relevância na cena literária gaúcha. Sua sede preserva uma pinacoteca com obras doadas e uma biblioteca com livros de escritores do Estado, além de documentos de memória da instituição.

Além da preservação e resgate da memória gaúcha, a entidade está em constante modernização e tem atuação relevante na cultura gaúcha, participando de debates, lançamentos e exposições em eventos com a Feira do Livro de Porto Alegre e no interior do Estado. Em 2017, criou um concurso literário que premia escritores de diversas categorias, já em sua terceira edição consecutiva.
Da assessoria
LiteraturaRS

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mazagão: terra árida e abençoada

Visite a casa onde viveu a pintora Frida Khalo; Artista nasceu há 113 anos

Diversas maneiras de ser feliz