Anúncios Parceiro Magalu - Erigleissonevoce

Dalai Lama está com raiva

Em ‘Sinta raiva’, o líder espiritual ensina que é possível transformá-la em uma ação de amor, paz e cura ao mundo
Em Sinta raiva (BestSeller, 112 pp, R$ 29,90 – Trad.: Sandra Martha Dolinsky), Dalai Lama traz à luz o sentimento da raiva como combustível para promover mudanças. Segundo o autor, existem duas formas de expressar raiva. A primeira surge da compaixão; ela é útil e deve ser encorajada. Já a outra surge do ciúme e da inveja, e resulta em ódio, má vontade e sofrimento. O que é errado é uma pessoa espiritualizada permanecer indiferente ao sofrimento à sua volta. Dalai ensina que devemos lutar para resolver os problemas que nos cercam e que despertam indignação em nosso íntimo. E, também a questionar e buscar o significado de rituais do cotidiano, religiosos e das nossas próprias emoções – principalmente a ira. A raiva funciona como combustível para promover mudanças. Conhecendo a raiva, como lidamos com ela, como a guardamos e como a manifestamos é possível usá-la para alcançar a raiva compassiva – uma força motivadora que pode transformar o negativo em positivo e mudar o mundo.

Via PUBLISHNEWS

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livro resgata conteúdo de cartas recebidas por João Goulart

Mestra da Cultura do Ceará, artesã Dona Zefinha morre no Cariri

Livro sobre as origens do povo cearense chega ao mercado